Brasil Central participa da 17ª Semana Nacional dos Museus

Brasil Central participa da 17ª Semana Nacional dos Museus

24 cidades da região participam da iniciativa organizada pelo Instituto Brasileiro de Museus

Em comemoração ao Dia Internacional dos Museus, celebrado em 18 de maio, todas as Unidades Federativas do BrC participam da 17ª Semana Nacional dos Museus realizada pelo Instituto Brasileiro de Museus (Ibram). A programação começou no dia 13 e finaliza no dia 19 de maio.

                                                   Museu do Rio Cuiabá em Mato Grosso. Foto: Flávio André/MTur

A iniciativa tem por objetivo mobilizar os museus brasileiros em torno de uma única temática em comemoração ao Dia Internacional do Museu. O tema deste ano é “Museus como núcleos culturais: o futuro das tradições”. Além das Unidades Federativas que compõem o Consórcio Interestadual de Desenvolvimento do Brasil Central, ou seja, Distrito Federal, Goiás, Maranhão, Mato Grosso, Mato Grosso do Sul, Rondônia e Tocantins, estados de todas as regiões do país participam da ação.

No DF 20 lugares oferecem atrações, em GO as atividades ocorrem em 14 cidades, em Mato Grosso, Mato Grosso do Sul e Tocantins, 4 cidades participam da programação. No Maranhão 6 cidades celebram a festividade. Em Rondônia, os museus de Porto Velho e Presidente Médici oferecem atrações ao público.

Museu Histórico e Artístico do Maranhão em São Luís (MA). Foto: Douglas Junior/MTur

Mostras, oficinas, visitas guiadas, debates e apresentações musicais são atividades que fazem parte da programação dos 3.222 eventos previstos para ocorrer ao longo da semana. Para a Chefe de Promoção Museal do Ibram, Patrícia Fernandes, a promoção das semanas trazem como resultado o fortalecimento da imagem do museu, o envolvimento da comunidade e o aumento da visitação de público. “A população é a maior beneficiada, considerando a diversificação de ações que são oferecidas aos diversos públicos, tais como: exposições, shows, saraus, apresentações musicais, debates, visitas mediadas, ações educativas, entre tantas outras”, afirma.

Patrícia também considera que a semana é uma oportunidade de mostrar para o público que os museus são ambientes de diálogo, de reflexão, de entretenimento, de lazer, de aprendizado e de diversão, sendo assim um estímulo para que as visitas aos museus sejam uma atividade cada vez mais popular entre os brasileiros.

Atrativo turístico 

Ambientes de valorização da história, os museus são famosos atrativos turísticos e quase sempre estão presentes em roteiros de viagens. Para o Diretor-presidente da Fundação de turismo de Mato Grosso do Sul  (FUNDTUR) e membro da Câmara de Turismo do BrC, Bruno Wendling, os museus têm uma importante função para o turismo da região. “O museu tem o papel de contribuir para a valorização da história de um território, manter viva as tradições e a cultura de um povo, além de educar e encantar quem o visita”, afirma.

Para ele, a realização da 17ª Semana Nacional dos Museus ajuda a fomentar a visita aos museus entre os moradores e turistas, oferecendo várias opções de lazer e caminhos para se fazer uma viagem pela história da região.

Preservação da cultura 

A região do Brasil Central além de possuir inúmeros atrativos turísticos é rica em cultura e expressões regionais que são mantidas ao longo do tempo. Para a Chefe de Promoção Museal do Ibram, os museus auxiliam a preservação das tradições regionais “por meio de um constante trabalho de pesquisa alinhado com práticas de divulgação e disseminação aos seus públicos”. Ela afirma que o tema trabalhado este ano durante a 17ª edição da semana fortalece ainda mais a importância dos museus para a preservação da cultura do país.

Centenas de atividades

Ainda dá tempo de aproveitar a programação da 17ª Semana Nacional dos Museus. Acesse o link e confira as atividades em cada cidade -> http://programacao.museus.gov.br/