Consórcio Amazônia Legal busca exemplo de Compra Compartilhada de Medicamentos do BrC

Consórcio Amazônia Legal busca exemplo de Compra Compartilhada de Medicamentos do BrC

Rodrigo Tobias participou de reunião com técnicos do Consórcio Brasil Central para entender como o modelo é operacionalizado 

O Secretário de Saúde do Estado do Amazônia, Rodrigo Tobias, esteve, na manhã dessa quarta-feira (29), na sede do Consórcio Brasil Central (BrC), em Brasília, para conhecer mais sobre o modelo de compra compartilhada de medicamentos de alto custo adotado pelo BrC.

Rodrigo Tobias foi recebido pelos técnicos do consórcio, que falaram sobre a elaboração da Ata de Registro de Preço, do sistema adotado e outras questões técnicas relativas ao modelo. De acordo com o secretário, a reunião foi produtiva e esclareceu detalhes para que o Amazônia Legal faça sua primeira compra coletiva de medicamentos.

“Fizemos a visita no consórcio Brasil Central com o objetivo de conhecer o processo de compra compartilhada de medicamentos que o Brasil Central tem liderado. De uma forma muito concreta, quase pedagógica, o BrC tem nos ajudado com todos seus processos e procedimentos”, afirmou Tobias.

De acordo com Rafael Pinheiro, responsável pelo projeto de compra compartilhada dentro do Consórcio Brasil Central, a reunião foi importante estreitar os laços com o Amazônia Legal, além de garantir ainda mais sintonia na execução de projetos comuns.

“Tivemos a oportunidade de trocar muita experiência em relação ao nosso processo de compras com os representantes do Consórcio Amazônia Legal e desejamos todo sucesso para eles nessa empreitada para realização de compra de medicamentos no mesmo formato que o BrC”, disse Pinheiro

Medicamentos 

O Consórcio Brasil Central realiza atualmente a compra de 103 medicamentos no valor global de R$ 169 milhões. A licitação está em andamento e os medicamentos devem começar a ser entregues no próximo mês de março.